sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Preguiça...

...disso aqui.

=/

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Festeeenha

Estão dizendo por aí que vai rolar uma festeeenha no bar do hotel no Rio em que as personalidades do Rock In Rio estão hospedadas.
Dizem também que teve gente até que adiou sua ida pra casa.
E ainda dizem que quem vai tocar hoje lá é a banda da festa da Heineken!
Quem me leva?

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Revista

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Faithfull




Em Pleno Rock & Roll Circus, em 1968, Marianne era a namorada de Jagger. Linda e contemporânea, cantava aos quatro cantos:

"It is absurd to live in a cage, you know there’s got to be something better."

Era o que eu precisava ouvir e ontem uma amiga especial me lembrou! Por que você não experimenta?


UPLOAD
ah, dá uma olhada nessa mistura!

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Petit Prince

Um cara veio na minha direção. De costas. Veio dançando sem nem perceber que estava chegando perto. Tão perto que quase derrubou a mim e ao moço do lado.
Virou-se, pediu desculpas, abraçando nós dois. Típico de bêbado.
O cara do meu lado olhou pra minha cara sem entender nada.
Eu disse:
- acho que ele achou que estávamos juntos.
- que?
- ele pensou que a gente tava junto!!! (quase gritando, achando que a música tinha atrapalhado sua audição)

Chega uma moça linda, amiga dele e diz:
- Fala devagar, ele é francês!
(um lindo francês, por sinal)

Eu, na maior cara de pau continuei.
- Je m'appelle Danilo. Comment tu t'appelle?
E fiz minha cara de inteligente... ahahaha

E ele abriu um sorriso (uau!), depois gargalhou e me convidou pra dar umas bandas pros lados de Toulouse... se é que vcs me entendem! =)

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Calatrava



Puente de la mujer, de Calatrava

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Baila Comigo

A luz de lua crescente me recebeu. Já podia entender que as manchas negras entre pontos luminosos vistas lá de cima eram grandes áreas gramadas, que deixavam ainda mais imponentes as esculturas da cidade.
Não via a hora de estar ali ao raiar do dia. E quando aconteceu, fiquei ainda mais admirado.
Buenos Aires foi aos poucos, desnudando-se. Com sua pressa típica de cidade grande, em nenhum momento saiu do ritmo do meu coração.
Não tentei resistir e finalmente, ela me tirou pra dançar.
Foi se entregando a mim como uma dançarina porteña: sexy, rápida e faceira.
Com seus segredos, foi me levando ritmado, em uma cadência que me deixava completamente à vontade. E me conduzia por seus sabores, aromas, por suas cores. Com personalidade, sabia como se tornar ainda mais bonita aos meus olhos.
Me deixei levar.
Dançarina experiente, sabia o que fazer para me arrancar um sorriso. E o fazia com maestria. Me levava por arte, por cultura, por grandes obras arquitetônicas, por parques e esculturas, por antiguidades.
Sussurrava em meus ouvidos várias línguas e aceitava meu espanhol fajuto com a firmeza de quem me entenderia sempre.
Quando menos se esperava, me levava pela história, de maneira que nos trazia para dentro dela.
Como se brincasse comigo, mudava de nome. Se chamava Recoleta, Colegialles, San Telmo. Mas me debruçava a seus pés quando se denominava Palermo. Assim, parecia já me conhecer. A contemplei moderna, inteligente, charmosa, me conduzindo como se fosse a única que sabia me fazer dançar. Em seus braços, mais que isso, me fez flutuar.
A cidade me fez sentir que o tempo havia parado. Quando percebi já era hora de nos separar.
Sem se despedir, a cidade me indagava:
“Cuándo volverás?”
E eu respondia, sem querer deixá-la:
“O mais cedo que puder chegar.”

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Bon Voyage

- Minhas malas não estão nem perto de ficarem prontas.

- Tenho minha coluna pra entregar ainda hoje, sem falta.

- To rezando pra não me passarem muita coisa na agência.

- Ainda tenho uma maratona Ribeirão/São Paulo antes da São Paulo/Buenos Aires.

- A máxima lá tá 18ºC. Nem me pergunte qto será a mínima.

- Tenho uma pilha de roupas pra passar, pra amassar na mala.

- O blog vai ficar abandonado, por uns dias. Cuidem bem dele ok?

- Meu dinheiro não caiu ainda. Estava programado para hoje.

- Quem disse que vou conseguir trabalhar?


segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Freddie



UPLOAD:
Eu tinha 6 anos quando o primeiro Rock In Rio aconteceu. E foi aí que me lembro de ter ouvido falar de uma banda com nome “Queen” pela primeira vez. Meus irmãos ganharam a viagem para o show de um tio meu, que os levou exclusivamente para assistir a banda de Freddie Mercury.
Ele foi motivo de comoção em casa, pelo simples fato do meu irmão idolatrá-lo e, assim, todo mundo virar fã.
Eu fui entender melhor quem era o tal cara (que todos sabiam que era gay) bem depois. Independente do que acham ou não, eu nunca cheguei a ser um grande fã. Mas as músicas e a imagem dele nunca saíram da minha cabeça.
O clipe acima é um clássico. Mais uma de minhas lembranças musicais da infância.

UPLOAD 2:
Be Freddie for one day!

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Clima

Tá, é Shakira.
Mas a sexta tá bem nesse clima.

Rabiosa.
=P
Bom fds!!!!
=)